Michelle Maruska Madër possui graduação em Engenharia Ambiental pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná – PUCPR (2005) e mestrado em Clima e Ambiente pelo Instituto Federal de Santa Catarina – IFSC/SC (2019). Tem experiência nas áreas de Educação e Gestão Ambiental, Resíduos Sólidos e Estudos Ambientais.

Atualmente é doutoranda em Zootecnia e pesquisadora do Grupo Integrado de Aquicultura e Estudos Ambientais – GIA da Universidade Federal do Paraná – UFPR (2019-2023). Atua na área de avaliação de impactos ambientais, com ênfase em controle das bioincrustações de espécies invasoras em sistemas hidráulicos, principalmente do molusco Limnoperna fortunei e o cnidário Cordylophora cáspia.

Participa do projeto de pesquisa: Desenvolvimento e validação de um produto para controle de incrustações biológicas em sistemas hidráulicos. Este estudo tem como objetivo desenvolver uma metodologia (produto + protocolos de aplicação + validação) para controle de incrustações biológicas em sistemas hidráulicos, visando alta eficiência, baixa corrosão do sistema e menor perturbação no equilíbrio da biota aquática associada aos ambientes adjacentes.

Participou do projeto de extensão: Cultivo de camarão em bioflocos e água oligohalina (2019), que teve como intuito, o incentivo a comunidade local, á prática da carcinicultura em sistema bioflocos, através do estudo da viabilidade para geração de renda.