Doutoranda Camila Prestes dos Santos Tavares

Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/4331672656980316

Orcid: https://orcid.org/0000-0002-0475-1835

 

Possui graduação em Tecnologia em Aquicultura (2014), mestrado em Zoologia (2017) e atualmente é doutoranda em Zoologia pela Universidade Federal do Paraná. Atua como pesquisadora do Grupo Integrado de Aquicultura e Estudos Ambientais (GIA/UFPR) desde 2014, desenvolvendo estudos sobre cultivo de organismos aquáticos marinhos, principalmente crustáceos portunídeos.

Durante estes anos de pesquisa no GIA, desenvolveu trabalhos técnicos e científicos nos projetos “Biologia e desenvolvimento de tecnologia para o cultivo de siris de interesse comercial no litoral paranaense” (2014) e “Projeto Siri Mole: ciência e tecnologia aplicada ao desenvolvimento de um novo produto para a aquicultura brasileira” (2014), financiados pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

 

Durante o mestrado, a sua dissertação forneceu informações voltadas ao desenvolvimento de tecnologias para a produção de siri-mole no Brasil, por meio da revisão das práticas realizadas nos principais países produtores e do aprimoramento das técnicas de produção com base técnica e científica. Seu trabalho gerou dois artigos publicados em revistas científicas conceituadas.

Já no doutorado, a pesquisadora está investigando por meio de métodos moleculares os patógenos virais associados à mortalidade de duas espécies de siri-azul, Callinectes sapidus e Callinectes danae (Crustacea, Decapoda, Portunidae) mantidos em instalações de aquicultura. O objetivo da tese é fornecer informações para o desenvolvimento de condições de cultivo que minimizem as perdas por mortalidade na produção de siri-mole.

Durante seu doutorado, também foi estudante visitante no Institute of Marine and Environmental Technology (IMET) da University of Maryland Center for Environmental Science (UMCES), no estado de Maryland, Estados Unidos, onde identificou pela primeira vez um novo reovírus em Callinectes danae coletados de um sistema experimental de produção de siri-mole no Brasil.

Publicações recentes:

AZRA, M. N.  et al. Effects of climate-induced water temperature changes on the life history of brachyuran crabs. Reviews in Aquaculture, v. 0, n. 0, p. 7,  2019. ISSN 1753-5123. Disponível em: < https://onlinelibrary.wiley.com/doi/abs/10.1111/raq.12380 >.

 

AZRA, M. N.  et al. Growth rate and fatty acid composition of orange mud crab instars, Scylla olivacea, reared at different temperatures. The Egyptian Journal of Aquatic Research, 2019/12/09/ 2019. ISSN 1687-4285. Disponível em: < http://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S1687428519300809 >.

 

FERNÁNDEZ DE ALAIZA GARCÍA MADRIGAL, R.  et al. Use of native and non-native shrimp (Penaeidae, Dendrobranchiata) in world shrimp farming. Rev Aquacult Reviews in Aquaculture, v. 10, n. 4, p. 899-912,  2018.  

 

HUNGRIA, D. B.  et al. Global status of production and commercialization of soft-shell crabs. Aquacult Int Aquaculture International : Journal of the European Aquaculture Society, v. 25, n. 6, p. 2213-2226,  2017. ISSN 0967-6120. 

 

TAVARES, C. P. D. S.  et al. Systems and techniques used in the culture of soft-shell swimming crabs. RAQ Reviews in Aquaculture, v. 10, n. 4, p. 913-923,  2018. ISSN 1753-5123. 

 

______. Evaluation of Different Induced Molting Methods in Callinectes Ornatus (Crustacea, Decapoda, Portunidae) as a Tool for the Commercial Production of Soft-Shell Crabs. Annals of the Brazilian Academy of Sciences, Aguardando publicação (no prelo),  2020.